sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Eu sou Flamengo...

Eu sou Flamengo...




Todos os dias eu acordo cedo e já corro para saber nos jornais, sites, blogs e afins, sobre o Flamengo, alguma contratação, mais alguma bomba, ou simplesmente para saber sobre o dia a dia do Mengão.

Então, lendo nos blogs, nos sites, nos twitters, facebooks e orkuts da vida, percebo uma galera que se diz Rubro Negra, posta fotinho vestida com o Manto, e tá sempre criticando, xingando jogador, reclamando sem parar...

Tudo bem, vivemos numa democracia, e opinião é igual a C*!, cada um tem o seu, mas, putz, se é pra criticar, então vamos pelo menos tentar entender sobre o que estamos versando. Isso é básico!

Eu mesmo aqui nesse espaço, como no twitter, como no trabalho, em qualquer lugar, já cansei de criticar várias coisas estranhas que acontecem no Flamengo. Já aqui no Flasileiro, desci a porrada na Patricia Amorim, critiquei a demora na contratação de jogadores, a saída de outros, entre outras coisas, entretanto, aplaudi muito, quando numa jogada de mestre, a Patricia nos trouxe o Zico pra comandar o futebol Rubro Negro. E esse foi o maior feito do Futebol Brasileiro no ano. Fato!

Mas, ficar falando mal do Flamengo, mal de jogador, mal da porra toda, ah! Isso é coisa de B@baca, que se diz Rubro Negro, e não sabe mesmo o que é ser Flamenguista.

Porra, encontro esses caras, ouço e leio todos os dias frases do tipo: E nosso Mengão, hein?! ou Pô, com esse time não vamos chegar a lugar nenhum...

Burrice isso. Flamengo é Flamengo. E ser Rubro Negro é acreditar sempre. Estar sempre por cima, não importa a posição do time na tabela. Ser Flamengo é mais do que essa merdinha de jogador caro, de ser líder na 12ª rodada, de estar na Libertadores...

Eu sou Flamengo, e estou sempre acima de qualquer torcedor, porque meu time é o Flamengo, o hexa campeão Brasileiro, 31 vezes campeão estadual, campeão do Mundo e da Liberta... Eu sou Flamengo, e não é um período sem vitórias que vai me fazer mudar, perder a esperança e não apoiar meu time.

Se o Flamengo não está muito bem no Brasileirão, ou em qualquer outro campeonato, então, esse é o momento de apoiar, e não de ficar fazendo criticazinha cretina e babaca, principalmente porque hoje, temos como comandante da Nave Rubro Negra, nosso maior ídolo, e um cara que tem credibilidade e seriedade, Zico.

Então, vamos parar com essa B@baquice! de ficar criticando a esmo, vamos apoiar os caras que estão lá, e se não são bons pra você, tudo bem, opinião é isso aí, mas apóia porra, pensa positivo, porque o que o Flamengo não precisa mesmo, é de mais pensamento negativo direcionado ao Clube, e ainda mais vindo de gente que se diz Rubro Negra.

Essa porra é o Flamengo! Vamos respeitar...

Ó meu Mengão, eu gosto de você, e quaro cantar ao mundo inteiro, a alegria de ser Rubro Negro... Cante comigo Mengão, ACIMA DE TUDO RUBRO NEGRO...

Vamos Flamengo...

7 comentários:

Andre Rabha Tozzini disse...

Assino embaixo de tudo isso Fera... isso é SER Flamengo...

SRN

Abração

Andre Tozzini (@TozzaFla)

Dani Calderon disse...

Concordo em todos os aspectos!!!!!!!
UMA VEZ FLAMENGO SEMPRE FLAMENGO!

@toniracafla disse...

verdadeiros Flamenguistas são poucos...acreditar até o fim como em 2007 que todos falavam que íamos cair e tivemos aquela arrancada história e em 2009 nem precisa falar né?

Facó disse...

Santos ? Fluminense ? Corinthians ? Internacional ? Cruzeiro ? Não ! Absolutamente, não ! Nenhum desses grandes Clubes é o principal adversário do Flamengo de Zico !


O principal e letal adversário do Flamengo é o espírito corporativista, amador e anti-profissional instalado nos bastidores políticos da Gávea. Sei que é dificil, para grande maioria dos Torcedores, compreenderem que essa marca fortíssima chamada Flamengo é, até hoje, gerida como se fosse um Clube de Bairro. Além disso e mais grave ainda, é compreender os bastidores desse universo cartelizado chamado FIFA, Confederações, Federações e Clubes.



Zico está comprometido em limpar a lama encruada na Gávea. Essa lama começa nas bases, hoje, contaminadas por empresários que só visam o lucro dos ses negócios e trabalham para formar celebridades e não atletas de futebol. Talvez, torcedores que não tem filhos, achem bonitinho os ídolos fakes viverem nas páginas policiais. Ídolo precisa ser uma referencia dentro e fora do Campo.Esses empresários, (des)torcedores profissionais e "dirigentes " de Futebol, ganham sua vida financeira com esse modelo arcaico.



Depois de 6 meses vividos nas páginas policiais e longe de títulos importante como o Tetra Carioca e o BI na Libertadores, temos que contar com a infinita dose de paciência e serenidade do Zico para sobreviver essa etapa de limpeza e saneamento necessárias para tirar o FLA da UTI da incompetencia administrativa. Não adianta, ganhar títulos e aumentar a dívida.



Poucos compreendem que, o modelo profissional que Zico está buscando no Flamengo transcende aos muros sujos e descuidados da Gávea. Isso pode ser início de um processo de profissionalização e " eticazação " do Futebol. Clubes fortes financeiramente serão capazes de enfrentar os poderes das Confederações e com isso, darem inicio num processo mais democrático, regulado e profissional no modelo de gestão das Federações e CBFs da vida.



Hoje, eu torco muito mais para que Patricia consiga articular politicamente uma profunda mudança no estatuto do Flamengo. Esse novo estatuto irá impedir que os desinterresados por transparencia, ética e práticas de governança corporativa não atrapalhem tanto o trabalho revolucionário que ela e Zico podem provocar.


Enfim, os inimigos do FLA de Zico infelizmente vestem vermelho e preto e são invisíveis. Como ratos, atuam nos bastidores, nas sombras e buscam minar esse novo caminho necessário ao Flamengo, Torcedores e Futebol em geral.



Deveriamos disputar todos os jogos do BR2010 com um mosaico apoiando o Zico, Patricia e policiando os que estão contra a quebra desse paradigma. É o inicio da FICHA LIMPA no Futebol.



Saudações Rubro Negras e Ziconianas a Todos!


Flacó - twitter.com/flaco_81

Jefferson freire disse...

corretíssimo. Nesses momentos de transição e dificuldades é que vemos quem são os verdadeiros rubro-negros e aqueles que são torcedores de moda. A torcida simplesmente sumiuy dos estádios, mas os poucos que têm ido são verdadeiros rubro-negros. SRN

www.saudacoesrubronegras.com.br

Lohana disse...

Caracaa ai que isso ??!
humilha qlqr um ...

Thaynara disse...

muuuuuito bom (Y)

Postar um comentário